Fim de semana rock na Fundição Progresso

Fundição Progresso. Na porta o banner mostrava: Scalene – Fresno – NX Zero.

 

Enquanto a fila se formava, eu parava para perceber quantas gerações essas bandas podiam arrastar.

É muito maneiro ver isso.

Tão maneiro quanto ver isso foi ver o Scalene abrindo o show com pé na porta.

A banda de Brasilia, jogou o volume pro alto. Tocando “histeria”, “legado”, “danse macabre” entre outras, você nota como a banda vem aumentando seu fãs.

 

Fresno foi a segunda banda da noite

Eles continuam a ótima “Turnê 15 anos”. A gente acompanhou o início dessa turnê na mesma fundição progresso, ano passado e o link para você recordar esse dia está aqui.

Fresno mantém a mesma pegada. Fãs enlouquecidos, todos cantando juntos e vibrando com a banda.O Show dos caras é o que chamamos de “conjunto da obra”.

Confesse que me amarro em fotografar show deles. :)

 

E fechando a noite Nx zero com turnê do disco Norte.Com toda certeza é o álbum mais maduro da banda. Ganhou em sonoridade e deixou a pegada hardcore um pouco para trás

Álbum produzido por Rafael Ramos lançado em setembro 15 com temas mais maduros, críticos.

afinal, os adolescentes fãs do inicio da banda, também cresceram e amadureceram, tornaram-se jovens adultos com outras preocupações

Galera curtiu muito as músicas “marcas de expressão”, “vibe”, “meu bem” e mandela”.

 

Assistindo esses shows, acabei concluindo que ainda verei muitas gerações formando fila para ver essas bandas.

Brunno Dantas.

 

Compartilhe...Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+Email this to someoneShare on FacebookShare on LinkedInShare on Reddit

Brunno Dantas é um fotógrafo brasileiro nascido no Rio de Janeiro. Seu olhar artístico explora o ambiente, o movimento, cores e a emoção das imagens. Desde 2010 trabalha fotografando shows. Em 2012 ingressou também no fotojornalismo. Com olhar artístico, ele tem sido requisitado para fazer ensaios fotográficos de bandas, cantores, artistase pessoas que buscam fotos que passeiam pelas artes plásticas num estilo mais arrojado e menos previsível. Vanguardista, explora não apenas o alvo a ser registrado, mas também o movimento, as cores e a emoção que cerca a imagem.

Login

Anti-Spam, Porque Por favor, responda a questão! *